Início » Pesquisar » Como falar em público – Parte I

Como falar em público – Parte I

Fale bem e impressione

Imagine aquela platéia olhando silenciosa e atentamente para você. Ou então, os diretores executivos mais importantes da sua empresa impressionados com seu discurso. Se você tem enormes dificuldades para falar em público e acha que essa realidade está muito distante, fique calmo. Você pode aprender, sim. Preparamos cinco dicas para você fazer bonito quando os microfones estiverem abertos para sua palavra.

1) Tenha intimidade com o assunto

Em qualquer ocasião você deve saber muito sobre o assunto. Nunca pense que você já sabe tudo. Quanto mais informações houver, melhor. Conteúdo não basta, é preciso intimidade com o assunto. Vale a pena montar um roteiro com os tópicos mais importantes. Mas quais são os tópicos que você deve abordar?
Concentre-se naquilo que você quer que fique na cabeça das pessoas. Elas querem saber as ideias que realmente fazem diferença e não querem ser enroladas. Portanto, seja breve. Principalmente se for depois de um almoço ou de um jantar.
Decorar números, datas, frases de benchmarks no assunto pode ajudar. Mas conseguir uma história surpreendente para abrir a sua apresentação vale ouro.

2) Respeitável público

Tudo bem, conteúdo é importante em qualquer ocasião. Mas conhecer seu público também é essencial.
Tente descobrir se algum dos ouvintes é contra o que você vai falar e antecipe as possíveis perguntas. Dessa maneira você vai se sentir mais tranqüilo quando as dúvidas surgirem.
Outras informações vão ajudar muito. Quanto tempo você terá? Você será o único a falar? Se não, qual é a ordem das apresentações? Quais são os instrumentos que você vai poder usar durante sua fala (retroprojetor, slides, lousa)? Com todas essas informações na mão você fica bem mais tranqüilo.

3) Olhos nos olhos

Tente personalizar a palestra. Muitas das coisas que fazemos cara a cara podem ser feitas também em público, mas com alguns ajustes. Como fazer isso? Em primeiro lugar, é preciso adaptar a linguagem. A palestra para um público leigo é diferente da palestra para experts no assunto.
Outra dica importante é olhar para as pessoas. Isso cria uma certa intimidade com elas. O ideal é que cada pessoa sinta que você está falando apenas com ela.
Não se preocupe com a reação do público. Muitos especialistas alertam que o julgamento dos outros é sempre menos rigoroso do que o seu. A maior preocupação deve ser com o seu discurso.
Se a reação for hostil mantenha a calma. Continue sendo simpático mesmo se a pergunta for incisiva. Lembre-se que uma resposta agressiva pode fazer a platéia se voltar contra você.

“O ideal é que cada pessoa sinta que você está falando apenas com ela.”

4) Humildade é eficácia

Tudo bem. Você já é um grande orador, mas a melhor forma para continuar bem sucedido é não se considerar um mestre.
Continue com o seu estilo e não tente ser aquilo que você não é. Vale a pena incorporar aquilo que mais agrada nos oradores que você considera bons. Desde que isso não mude o seu jeito de ser. Por exemplo: mesmo se você for naturalmente engraçado, cuidado. Lembre-se que a pior sensação numa palestra é aquele silêncio pairando no ar depois da gracinha.
Independentemente dos outros caírem na gargalhada ou não, o seu sorriso é importante. Ele atrai as pessoas e ajuda você ganhar mais audiência.

5) Não se reprima

Lembre-se: a qualidade do seu discurso vai ser proporcional ao tempo que você se preparou. Mas ele só vai ficar realmente afinado depois de muito treino.
Quer dicas de como começar? Não recuse convites, não fuja de reuniões e nem tente adiar uma apresentação. Comece aos poucos: peça a palavra em uma reunião, se apresente para ler um texto e nunca mande ninguém no seu lugar.
No início da palestra, respire fundo e concentre-se muito. Esse é um momento tenso que define se você vai conseguir a empatia do público. Há quem diga que no início o público só analisa seu jeito, seu sorriso e sua voz.
Mesmo com muito treino, a ansiedade sempre aparece. Principalmente naqueles momentos antes da apresentação. Isso acontece com os melhores executivos e oradores. O importante não é fazer o nervosismo desaparecer, mas não deixar que ele atrapalhe. Depois, é só esperar os aplausos.

Impulsione Seus Negócios: consulte um especialista agora mesmo!

Fale Conosco

Saiba mais em: Matérias & Reportagens

Páginas mais visitadas:

Gráfica Muito Mais Barata – Tabela de Preços l Site Nota 10 – Criação de Sites l Lojas Virtuais l Comunicação Visual l Fotos Profissionais l Criação de Marcas de Sucesso – Criação de uma Identidade Visual Vencedora l Impulsione Seus Negócios: Matérias & Reportagens l Os Melhores Sites do Brasil: Portfólio do Site Nota 10 l Fale Conosco